Archive for May, 2013

Sorrir por sorrir

O sorriso esconde a ansiedade que me corroi por dentro. E ele não é apenas amarelo. É vermelho cólera, azul arrependimento, verde cadê a esperança, roxo estou tão xoxo. Uma mistura de sentimentos e todos cobertos por um sorriso. Ninguém percebe, ninguém se atenta. Vai ver estão todos ocupados compondo seus próprios sorrisos.

Bons tempos aqueles em que um sorriso era só um sorriso. Conquistar uma casa na árvore, construir um castelo de areia, mergulhar de ponta na piscina. Mas espera, as coisas não eram tão simples assim. Antes de conseguir chegar no topo, reclamei muito daquela maldita árvore. Até finalizar o castelo, frustração era a única convidada. Dar de ponta na piscina gerava os mesmos frios na barriga que enfrento hoje em dia.

As coisas nunca são fáceis, elas só mudam de proporção. O que antes era difícil, hoje vira rotina. Mas a vida não acaba. Novos desafios surgem e, principalmente, novos problemas. Enfrentá-los parece ser o único caminho, não tem para onde fugir. O jeito é botar um sorriso no rosto e esperar que todos pensem que ele é só um sorriso e não um mar de confusão.

Advertisements